"Tudo posso Naquele que me fortalece"
Em atividade desde fevereiro de 2007

Reunião de 4 de dezembro de 2013

GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO
Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me Fortalece"

Reunião de 04/12/2013
GGTR-131204
Mensagem recebida no Facebook (da amiga Renata Monteiro)
(Autor Desconhecido)

Não deixe suas panelas brilharem mais do que você!!!
Não leve a faxina ou o trabalho tão a sério!
Pense que a camada de pó vai proteger a madeira que está por baixo dela!
Uma casa só vai virar lar quando você for capaz de escrever "Eu te amo" sobre os móveis!
Antigamente eu gastava no mínimo 8 horas por semana para manter tudo bem limpo, caso "alguém aparecesse para visitar" - mas depois descobri que ninguém passa "por acaso" para visitar - todos estão muito ocupados passeando, se divertindo e aproveitando a vida!
E agora, se alguém aparecer de repente?
Não tenho que explicar a situação da minha casa a ninguém...
... as pessoas não estão interessadas em saber o que eu fiquei fazendo o dia todo enquanto elas passeavam, se divertiam e aproveitavam a vida ...
Caso você ainda não tenha percebido: A VIDA É CURTA .... APROVEITE-A !!!

Tire o pó ... se precisar ...

Mas não seria melhor pintar um quadro ou escrever uma carta, dar um passeio ou visitar um amigo, assar um bolo e lamber a colher suja de massa, plantar e regar umas sementinhas?
Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !

Tire o pó ... se precisar ...

Mas você não terá muito tempo livre ...
Para beber champanhe, nadar na praia (ou na piscina), escalar montanhas, brincar com os cachorros, ouvir música e ler livros, cultivar os amigos e aproveitar a vida !!!

Tire o pó ... se precisar ...

Mas a vida continua lá fora, o sol iluminando os olhos, o vento agitando os cabelos, um floco de neve, as gotas da chuva caindo mansamente ...
- Pense bem, este dia não voltará jamais !!!

Tire o pó ... se precisar ...

Mas não se esqueça que você vai envelhecer e muita coisa não será tão fácil de fazer como agora...
E, quando você partir, como todos nós partiremos um dia, também vai virar pó !!!
Ninguém vai se lembrar de quantas contas pagou, nem de sua casa tão limpinha, mas vão se lembrar de suas amizade, de sua alegria e do que você ensinou.

AFINAL:

"Não é o que você juntou, e sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida."

No mês de dezembro entregamos 4 enxovais:
menino: 1205 - Katiany
             1209 - Janete
menina: 1198 - Thais
            1208 - Bruna


"Sinta-se totalmente responsável,
por tudo que estiver fazendo, com aquilo que fizeram por você."

"Eu uno a minha mão à sua, eu uno o meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos, o que não posso fazer sozinha."
(esta frase a Lúcia ouviu da Débora Bloch)

Retornamos em 5 de fevereiro, desejando a todos boas férias, com carinho

Colaborações e doações de Novembro/2013


GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO
Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me Fortalece"

Este conjunto foi doado pela Idinha, nossa orientadora de crochê e trico.
Lindo, não?

A manta rosa foi doada pela Edna. 


Esta manta pérola também.


Os quadradinhos foram confeccionados pela Ivete, emendados por mim e a Dorinha confeccionou a barra.


Esta manta também, pelas mãos das três.


O casaquinho branco foi confeccionado pela Lúcia.


Estas sacolas, que acondicionam o enxoval que doamos, foram confeccionadas por mim,
com tecido doado pela 1ª dama da gestão anterior - Beth.


No tamanho, todas iguais, só mudamos a cor do viés, para diferenciar menino ou menina.


Aqui, detalhe da barra, na toalha, confeccionada pela Dorinha.


Sapatinhos doados pela Maria Luisa e Lúcia


A Adriana confeccionou 10 mijões, com tecido doado pela Idinha.


A Nair Esteves confeccionou a barra do cobertor  e colocou uma aplicação, ficou fofinho, não?


A manta confeccionada pela Nair Esteves, não consegui fotografar a que foi entregue no dia.
                                                    

As doações da Maria Luisa - 7 bodys, 4 macacões, 3 luvas, 1 meia e 1 sapatinho.




Reunião de 27 de novembro de 2013

GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO
Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece"

Reunião de 27/11/2013
GGTR-131127
Texto de autor desconhecido

Você é especial

Você pode ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não se esqueça de que sua vida é a maior empresa do mundo.
Só você pode evitar que ela vá à falência. Há muitas pessoas que precisam, admiram e torcem por você.
É importante que você sempre se lembre que ser feliz não é ter um céu sem tempestade, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções.
Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.
Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza.
Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições no fracassos.
Não é apenas ter júbilos nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise..
Ser feliz não é uma fatalidade do destino, mas uma conquista de quem sabe viajar para dentro do seu próprio ser.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito de sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um "não".
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
É beijar os filhos, curtir os pais e ter momentos poéticos com os amigos, mesmo que eles nos magoem.
Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e feliz que mora dentro de você.
É ter maturidade para falar: "Eu errei".
É ter ousadia para dizer: "Me perdoe".
É ter a sensibilidade para confessar: "Eu preciso de você".
Ser feliz é ter a capacidade de dizer: "Eu te amo".
Desejo que a vida seja um canteiro de oportunidades para você...
Que nas suas primaverar você seja amante da alegria.
Que nos seus invernos seja amigo da sabedoria.
E, quando você errar o caminho, recomece tudo de novo.
Pois assim, você será cada vez mais apaixonado pela vida.
E descobrira que ser feliz não é ter uma vida perfeita, mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância.
Aproveitar as perdas para refinar a paciência, as falhas para esculpir a serenidade.
Usar a dor para lapidar o prazer e os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.
Jamais desista de si mesmo.
Jamais desista das pessoas que você ama.
Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um espetáculo imperdível.
Porque você, você é especial !!!!
















No mês de novembro entregamos 3 enxovais

"Sinta-se totalmente responsável, por tudo que estiver fazendo,
com aquilo que fizeram por você".

"Eu uno a minha mão à sua, eu uno o meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos, o que não posso fazer sozinha".
(esta frase a Lúcia ouviu da Débora Bloch)

Com muito carinho,

Reunião de 30 de outubro de 2013

GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO
Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece"

Reunião de 30.10.2013
GGTR-131030
Texto de Charles Chaplin


Quando me amei de verdade


Quando me amei de verdade,
compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato. E, então, pude relaxar.
Hoje sei que isso tem nome ... Auto-estima.

Quando me amei de verdade,
pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades.
Hoje sei que isso è ... Autencidade.

Quando me amei de verdade,
parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.
Hoje chamo isso de ... Amadurecimento.

Quando me amei de verdade,
comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.
Hoje sei que o nome disso é ... Respeito.

Quando me amei de verdade,
comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável ... Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me puzesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo. Hoje sei que se chama ... Amor-próprio.

Quando me amei de verdade,
deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro. Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio rítmo.
Hoje sei que isso é ... Simplicidade.

Quando me amei de verdade,
desisti de querer sempre ter razão e, com isso errei muitas menos vezes.
Hoje descobri a ... Humildade.

Quando me amei de verdade,
desisti de ficar revivendo o passado e de me preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece.
Hoje vivo um dia de cada vez, isso é ... Plenitude.

Quando me amei de verdade,
percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar, mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.
Tudo isso é ... Saber viver!!!

No mês de outubro entregamos 4 enxovais:
1201 - menino - Lucineide
1203 - menino - Maria Bernardo
1204 - menino - Hellen
1206 - menina - Ana Claudia


"Sinta-se totalmente responsável,
por tudo que estiver fazendo, com aquilo que fizerem por você."

"Eu uno a minha mão à sua, eu uno o meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos, o que não posso fazer sozinha."

Para você com muito carinho,

Colaborações 18.10.2013

GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO
Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece" 

Hoje logo cedo a Idinha me ligou para receber as doações e confecções do Grupo:

As mantas são doadas pela Maria Luisa e o par de sapatinhos azul é de colaboradoras.


 Adriana confeccionou os 12 mijões, com tecido doado pela Idinha
 Adriana confeccionou 4 toalhas e 3 jogos de lençóis, com tecido comprado pelas colaboradoras, sendo que o jogo de lençol com corações verdes foi doado pela Ida.
Edna doou o casaquinho e o gorro, Ida doou a botinha e o par de sapatinhos de lã é das colaboradoras.
Agradecemos ao Gabriel que nos possibilitou as imagens.

Agradecemos a todas as pessoas que colaboraram, que sejam sempre muito abençoadas.

"Eu uno a minha mão à sua, eu uno o meu coração ao seu,
Para que possamos fazer juntos, o que não posso fazer sozinha."



Doações

No dia 1º de outubro recebemos da Ivete, no PS, um pacote deixado por Katia Cascão.

A Katia doou ao Grupo 12 jogos contendo camiseta, mijão, paninho de boca e meia.
 Foram  6 para meninas e,

6 para meninos.

Imagine a alegria e a imensa vontade de aqui postar,
foi necessário mobilizar algumas pessoas para nos ajudar.
Agradecemos à Katia Cascão que sempre nos doa
peças do enxoval que oferecemos às mães à precisar.
Agradecemos à Camila e ao Gabriel,
que nos possibilitou postar.

Abraços carinhosos

Reunião de 25/09/2013

GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO
Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece"
Reunião de 25/09/2013
GGTR-130925
Texto de Letícia Thompson
Enviado por Ana Maria Jr. (Nadalém)

A Arte de ser Alguém

A solidão e a invisibilidade do ser caminham de mãos dadas.
Sozinho é aquele que não aparece para os outros, 
que tem medo até de se olhar no espelho, 
porque a própria imagem aparece como uma companhia inexistente.
Há pessoas que passam a existência em busca de aprovação, 
sem realmente estar nessa busca e sentem-se sempre como uma pálida cor no quadro da vida. 
Elas querem ser vistas, amadas, apreciadas, mas não saem do lugar, 
ficam sempre à espera que um reconhecimento haja.
Mas, o que torna uma pessoa visível aos olhos dos outros?
Ninguém precisa ser importante no sentido de possuir coisas ou ser um ser extraordinário, 
para que possa ser visto ou amado.
Não são as outras pessoas que nos tornam visíveis ou invisíveis, solitários ou cercados de pessoas.
SOMOS NÓS.
Quando damos de nós, vamos deixando pedacinhos do nosso eu nos outros, 
de maneira que vamos nos tornando presentes e inesquecíveis.
As pessoas sempre querem se aproximas daquilo que lhes faz bem, que é positivo, 
estão sempre voltadas para aquilo que vai valorizá-las de alguma forma.
Quem reclama que não se sente amado, não se sente procurado, 
que acha que passa pela vida como uma forma vazia e sem importância, 
deveria ver o mundo pelo outro lado da janela, de fora para dentro.
Faça o contrário, aja, ame, torne-se alguém pelo menos para alguém, 
seja aquilo que você gostaria que os outros vissem em você.
Ninguém deve ter o poder de nos transformar, 
nós devemos ter o poder e a possibilidade de trabalhar do nosso interior para exterior.
SOMOS NÓS,
Que nos construímos ou nos destruímos, que aparecemos ou desaparecemos. 
As pessoas vêm em nós o que parecemos a elas. 
Elas não nos fazem, a menos que permitamos:
NÓS NOS FAZEMOS.
Se sentirmos essa necessidade de sermos queridos e apreciados,
QUEIRAMOS E APRECIEMOS.
É impossível esconder uma luz numa noite escura e, creiam,
o mundo atual é para muitos uma noite escura e sem estrelas.
Sejamos então uma luz e,
as pessoas com necessidade disso virão a nós.
SEJAMOS, ENTÃO, UMA LUZ.
Estaremos, assim, cumprindo nossa missão, 
daremos o que precisam e recuperaremos, em nós, 
o que precisamos para nos sentir inteiros e saciados.
Embora as pessoas façam parte da nossa história, 
elas não a escrevem,
SOMOS NÓS.

No mês de setembro entregamos 2 enxovais: 
menino: 1194 - Sabrina
menina: 1192 - Andressa

"Sinta-se totalmente responsável,
por tudo que estiver fazendo, com aquilo que fizeram por você."


Com carinho,
Maria Teresa


Relação das doações e colaborações

GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO
Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece"

RELAÇÃO DAS DOAÇÕES E COLABORAÇÕES OFERECIDAS DURANTE O ANO DE 2013.

FEVEREIRO

Agradecemos as orientadoras Ida, Val, Lindinalva, Maria Luisa e Alaíde pela dedicação durante o mês de fevereiro.

Dorinha doou 5 pares de sapatinhos vermelhos;

Adriana confeccionou: 4 jogos de lençol, fronha e toalha de banho.
                                   2 toalhas + 2 fronhas e,
                                   13 mijões (tecido oferecido pela Ida).

Agradecemos a todos que colaboraram no mês de fevereiro.

MARÇO

Agradecemos as orientadoras Ida, Val, Lindinalva, Maria Luisa e Alaíde pela dedicação durante o mês de março.

Lúcia confeccionou: - a barra, em crochê, de 2 cobertores, 1 bordô e 1 bege;
                               - 1 touca e l par de sapatinhos brancos.

Nair Esteves confeccionou 4 mantas em crochê e bordou 3 toalhinhas de boca.

Agradecemos a todos que colaboraram no mês de março.

ABRIL

Agradecemos as orientadoras Ida, Val, Maria Luisa e Alaíde pela dedicação durante o mês de abril.

Dorinha doou 5 pares de sapatinhos vermelhos e,
             - confeccionou a barra, em crochê, de 3 cobertores vinho;

Nair Esteves doou 2 toalhinhas de boca com bordado (amarela e verde) e,
                    - confeccionou 1 touca branca e a barra, em crochê, de 8 fraldas de boca;

Maria de Lourdes doou 1 toalhinha azul bordada com fita e 1 par de sapatinhos em crochê amarelo;

Ivete confeccionou: 1 casaquinho + par de sapatinho rosa,
                              1 casaquinho + par de sapatinho mescla verde/branco,
                              1 casaquinho + par de sapatinho sapatinho azul e
                              56 quadradinhos de lã;

Rosângela confeccionou casaquinho, touca e sapatinho amarelo;

Maria Luisa confeccionou 2 mantas;

Edna e Ida doaram 1 manta, 1 gorro e 2 pares de sapatinho bege;

Maria Luisa doou 4 mantas;

Edna doou: 1 body rosa,
                   9 toalhas de boca,
                   6 jogos de lençóis, 
                   4 lençóis;

Ida doou 4 pares de sapatinhos, 3 toucas e 1 fralda;

Regina e Adriana confeccionaram 10 jogos de lençóis e 10 toalhas de banho;

D. Aparecida doou 1 camiseta, 2 mijões e 1 par de sapatinho amarelo.

Agradecemos a todos que colaboraram no mês de abril.

MAIO
Agradecemos as orientadoras Ida, Val, Regina, Maria Luisa e Alaíde pela dedicação durante o mês de maio.

Dorinha doou: - 1 conjunto branco (casaquinho, touca e 2 pares de sapatinhos),
                       - 1 conjunto salmão (casaquinho, touca e 2 pares de sapatinhos), lã doada por Pety, de   
                          Porto Ferreira,
                       - 1 conjunto salmão com detalhes em branco (casaquinho, touca e  par de sapatinhos) e,
                       - 5 sapatinhos vermelhos;

Dorinha confeccionou a barra, em crochê, de 3 cobertores vinho;

Ivete doou 16 macacões e 3 mijões;

Ivete confeccionou - 1 conjunto (casaquinho e touca) mescla e,
                              - 50 quadrados em crochê;

Maria de Lourdes doou 1 par de sapatinho rosa com joaninha;

Lúcia confeccionou a barra, em crochê, de 2 cobertores;

Fátima (Maria Mendes) confeccionou "patch apliqueé" em 8 paninhos de boca;

D. Aparecida doou 1 par de sapatinhos vermelho + tecido com florzinhas;

Maria Luisa doou 4 cobertores de lã, brancos;

Marcela (neta Maria Luisa) doou 1 saco para bebê verde;

Paula (neta de Maria Luisa) doou uma colcha rosa (para mesa dos enxovais) + diversas outras peças.

Agradecemos a todos que colaboraram no mês de maio.

JUNHO
Agradecemos a colaboração das orientadoras Ida, Val, Regina, Maria Luisa e Dorinha pela dedicação durante o mês de junho.

Agnes confeccionou 25 calças para bebês, em malha branca;

Ivete confeccionou 1 conjunto (casaquinho, touca e par de sapatinho), em bege;

Dorinha doou: 1 conjunto (casaquinho, touca e par de sapatinhos) em branco e verde,
                       1 conjunto (casaquinho, touca e 2 pares de sapatinhos) em branco mescla verde,
                       7 sapatinhos vermelhos,
Dorinha confeccionou a barra das 2 mantas de quadradinhos;

D. Aparecida doou: 1 manta soft azul,
                               1 touca e 2 pares de sapatinhos verdes e,
                               2 pares de sapatinhos vermelhos;

Rosângela doou: 6 calcinhas de malha para meninas e,
                          2 sacolas (TNT) para emergências,
Rosângela confeccionou: - manta, touca e sapatinhos brancos com detalhes amarelos,
                                      - a barra, em crochê, do cobertor azul,
                                      - 1 casaquinho, touca e par de sapatinhos em branco e verde;

Nair Esteves confeccionou: - a barra em 2 paninhos de boca (azul e amarelos) e,
                                          - barra em 2 cobertores de lã;

D. Antonia doou 6 calças de malha e 6 camisetas (grandes) +1 banheira.

Agradecemos a todos que colaboraram no mês de junho.

JULHO
Agradecemos a colaboração das orientadoras Ida, Val, Regina, Maria Luisa e Dorinha pela dedicação durante o mês de julho.

Dorinha doou 1 calça de lã rosa,
                      4 pares de sapatinhos vermelhos,
                      1 touca e 2 pares de sapatinhos verdes e,
Dorinha confeccionou casaquinho, touca e 2 pares de sapatinhos verdes;

Nair doou: 7 pares de sapatinhos vermelhos,
                  1 par de sapatinho bege e,
                  1 par de sapatinho mescla;

Ivete doou: 14 macacões, 6 mijões, 13 body, 1 trocador, 1 boina, 1 m. de flanela e 23 fraldas descartáveis;

Nair Esteves confeccionou: 5 toalhinhas de boca (barra) e,
                                          2 mantas de retalhos;

Lúcia confeccionou a barra de 2 cobertores (verde e bordô);

Rosângela confeccionou 1 casaquinho e 1 touca em branco e rosa;

Agradecemos a todos que colaboraram no mês de julho.

AGOSTO E SETEMBRO
Agradecemos a colaboração das orientadoras Ida, Val, Regina, Maria Luisa e Dorinha pela dedicação durante os meses de agosto e setembro.

Nair Esteves confeccionou - a barra de 4 cobertores 1 bordô e 3 verdes,
                                         -a barra de 2 paninhos de boca;

Dorinha doou: 2 pares de sapatinhos de lã verde e branco,
                      1 conjunto (casaquinho, touca e 2 pares de sapatinhos) verde,
Dorinha confeccionou: - 1 conjunto (casaquinho, touca e 1 par de sapatinho) em branco, com azul,
                                   -  a barra de 2 cobertores bordô,
                                  - 1 conjunto mescla (casaquinho, touca e 1 par de sapatinho);

Lúcia doou 1 par de sapatinho rosa,
Lúcia confeccionou - barra de 4 cobertores brancos + 1 cobertor bordô,
                              - 1 par de sapatinho branco;

Ida e Adriana doaram 12 mijões;

Ida doou 1 par de sapatinho amarelo;

Ida e Edna Conte doaram 15 novelos de lã Club (branco, bege e mescla(rosa e lilás);

Edna Conte confeccionou a barra em tecido + patch apliqueé em 3 cobertores (1 verde e 2 bordô);

Maria Luisa doou 12 camisetas manga longa +
                            21 pares de meias;

D. Antonia doou 1 cone de barbante fino;

Célia (UBS-Terra Preta) doou 1 saco com 90 fraldas M
                                       (montamos 9 pacotes, com 10 fraldas, que serão incluídos nos próximos enxovais.

Ivete confeccionou 1 casaquinho e 1 touca e quadradinhos;

D. Aparecida doou 1 manta grande, 1 manta pequena, 1 touca mescla verde e 3 sapatinhos verdes;

Nair Esteves confeccionou 1 cobertor verde e 1 manta rosa;

Rosângela confeccionou:1 casaquinho, 1 touca e 1 sapatinho branco e verde, + 1 sapatinho branco e rosa,
                                      doou parte da lã branca;
Agradecemos a todos que colaboraram nos meses de agosto e setembro.

OUTUBRO
Agradecemos

Kátia Cascão doou: 12 camisetas, 12 mijões, 12 paninhos de boca e 12 pares de meias.

Maria Luisa doou: uma manta branca com barra mescla em rosa e lilás
                             2 pares de sapatinhos l branco e l amarelo;

Dorinha confeccionou a barra de 2 cobertores verdes e 2 cobertores vinho;
Dorinha confeccionou a barra de 4 paninhos de boca;
Nair doou 2 pares de sapatinhos (rosa e lilás)
Maria Luisa doou 2 mantas (azul);
Colaboradoras doaram o tecido e Adriana confeccionou: 4 toalhas e 3 jogos de lençóis;
Colaboradoras doaram 2 pares de sapatinhos de lã azul;
Idinha doou: 1 jogo de lençol com coração verde,
                    tecido para 12 mijões que a Adriana confeccionou,
                    1 parde de botinha branca,
Edna doou 1 casaquinho e gorro azul;


"Eu uno a minha mão à sua, eu uno o meu coração ao seu, 
para que possamos fazer juntos, o que não posso fazer sozinha."


Reunião de 28/08/2013

GRUPO GERACORAÇÃO NÚCLEO DE APOIO E AÇÃO

 Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece"

Reunião de 28/08/2013
GGTR-130828
Texto de Charles Chaplin (recebi de Renata Monteiro)

A vida me ensinou
A dizer adeus às pessoas que amo, sem tirá-las do meu coração;
Á sorrir às pessoas que não gostam de mim,
Para mostrar-lhes que sou diferente do que elas pensam;
Fazer de conta que tudo está bem, quando isso não é verdade,
Para que eu possa acreditar que tudo vai mudar;
A calar-me, para ouvir;
A aprender com meus erros, afinal eu posso ser sempre melhor;
A lutar contra as injustiças;
A sorrir, quando o que mais desejo, é gritar todas as minhas dores para o mundo.
A ser forte quando os que amo estão com problemas;
A ouvir a todos que só precisam desabafar;
A amar aos que me machucam
ou querem fazer de mim depósito de suas frustrações e desafetos;
A perdoar incondicionalmente, pois já precisei desse perdão;
A amar incondicionalmente, pois também preciso desse amor;
A alegrar a quem precisa;
A pedir perdão; 
A sonhar acordado;
A acordar para a realidade (sempre que for necessário);
A aproveitar cada instante de felicidade;
A chorar de felicidade;
A chorar de saudade, sem vergonha de demonstrar;
Me ensinou a ter olhos para "ver e ouvir estrelas", embora nem sempre consiga entendê-las;
A ver o encanto do pôr do sol;
A sentir a dor do adeus e do que se acaba, 
Sempre lutando para preservar tudo que é importante para a felicidade do meu ser;
A abrir minhas janelas para o amor;
A não temer o futuro;
Me ensinou e está me ensinando a aproveitar o presente,
Como um presente que da vida recebi e,
"Usá-lo como um diamante que eu mesmo tenha que lapidar, 
lhe dando forma da maneira que eu escolher."



No mês de agosto entregamos 3 enxovais de bebê:
menino:         1200 - Andreza
                      1202 - Diana

menina:         1196 - Elisandra

"Sinta-se totalmente responsável, 
por tudo que estiver fazendo, com aquilo que fizeram por você."

"Eu uno a minha mão à sua, eu uno o meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos, o que não posso fazer sozinha."

Para você com carinho de 
Maria Teresa


Reunião de 26/07/2013




Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece"

Reunião de 26/07/2013
GGTR-130726
Texto oferecido pela Nair Esteves

REFLEXÃO

O dia mais belo - Hoje
A coisa mais fácil - Errar
O maior obstáculo - O Medo
O maior erro - O Abandono
A raiz de todos os males - O Egoísmo
A distração mais bela - O trabalho
A pior derrota - O Desânimo
Os melhores professores - As Crianças
A primeira necessidade - Comunicar-se
O que lhe faz mais feliz - Ser útil aos demais
O pior defeito - O mau humor
A pessoa mais perigosa - A Mentirosa
O sentimento mais ruim - O Rancor
O presente mais bonito - O Perdão
O mais imprescindível - O Lar
A rota mais rápida - O Caminho certo
A sensação mais agradável - A Paz interior
Maior proteção afetiva - O Sorriso
Omaior remédio - O Otimismo
A maior satisfação - O Dever cumprido
A força mais potente do mundo - A Fé
As pessoas mais necessárias - Os Pais
A mais bela de todas as coisas - O AMOR

Obrigada Nair, a você amiga, com muito carinho de
Maria Teresa

No mês de julho entregamos 3 enxovais:
1) 1195 -Andrea - menina
2) 1182 - Glaucia - menina
3) 1193 - Rosangela - menina

 "Sinta-se totalmente responsável,
por tudo que estiver fazendo, com aquilo que fizeram por você".

"Eu uno a minha mão à sua, eu uno meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos, oque não posso fazer sozinha".


Reunião de 28/06/2013



Em atividade desde fevereiro/2007
"Tudo posso Naquele que me fortalece"

Reunião de 28/06/2013
GGTR-130628
Texto de autoria desconhecida

Superando os próprios espinhos

Durante um período de inverno muitos animais morriam por causa do frio. Os porcos-espinhos percebendo esta situação resolveram se agrupar, assim, se agasalhavam e se protegiam mutuamente.
Mas, os espinhos de cada um feriam os companheiros mais próximos, justamente os que forneciam calor. E, por isso, tornavam a se afastar uns dos outros, voltando a morrer congelados.
Precisavam fazer uma escolha: desapareciam do ambiente em que viviam ou aceitavam os espinhos do semelhante...
Com sabedoria decidiram voltar e ficar juntos.
Aprenderam, assim, a conviver com as pequenas feridas que uma relação muito próxima podia causar, já que o mais importante era o calor do outro, assim sobreviveram.
"O melhor grupo não é aquele que reúne membros perfeitos, mas aquele onde cada um aceita os defeitos do outro e consegue perdão pelos seus."
Convivemos com muitas pessoas que possuem opiniões, ideias e sentimentos muito diferentes do nosso, muitas vezes nos machucamos com a maneira de ser do próximo e também causamos feridas dolorosas.
É preciso compreender e aceitar quem está ao nosso redor para vivermos plenamente a Graça de Deus.

PESSOAS ESPECIAIS

As pessoas especiais são aquelas que ...
Têm habilidade de dividir sua vida com os outros, são honestas nas palavras e nas atitudes.
São sinceras e compassivas e, sempre são por certo que o amor é parte de tudo.
As pessoas especiais são aquelas que ...
Têm habilidade para se doar aos outros e, ajudá-los com as mudanças que surgem em seus caminhos.
Elas não têm medo de ser vulneráveis e, têm orgulho em ser quem são.
As pessoas especiais são aquelas que ...
Gostam de estar próximas aos outros e se importam com a felicidade deles.
"ELAS VIERAM PARA ENTENDER QUE O AMOR È O QUE FAZ A DIFERENÇA".

Você, minha amiga, é a pessoa mais especial que já conheci, obrigada e que Deus a abençoe, com muito carinho de Maria Teresa.

No mês de junho entregamos 4 enxovais:
1) 1190 - Angelica - menino
2) 1191 - Janete - menino
3) 1210 - Michele - menina
4) 1181 - Jessica - menina

"Sinta-se totalmente responsável,
por tudo que estiver fazendo, 
com aquilo que fizeram por você."

"Eu uno a minha mão à sua, eu uno meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos, o que não posso fazer sozinha".

Reunião de 24.05.2013

Reunião de 24.05.2013

GGTR - 130524

Texto de autoria: desconhecida

Revolução na alma

Ninguém é dono da sua felicidade. 
Por isso, não a entregue nas mãos de ninguém, 
absolutamente ninguém.
Somos livres, não pertencemos a ninguém e 
não podemos querer ser donos dos desejos, 
da vontade ou dos sonhos de quem quer que seja.
A razão da vida é você mesmo.
A sua paz interior é a sua meta!
Quando sentir um vazio na alma, 
quando acreditar que ainda está faltando algo, 
mesmo que tenha tudo, 
leve o pensamento para os seus desejos mais íntimos e 
busque a divindade que existe em você...
Pare de colocar sua felicidade cada dia mais distante.
Não coloque objetivos longe demais de suas mãos, 
abrace os que estão ao seu alcance hoje. 
Se anda desesperado por problemas financeiros, por amor ou por conflitos,
busque em seu interior a resposta para acalmá-los.
Você é reflexo do que pensa diariamente.
Um sorriso no rosto é um bom começo!
Você estará afirmando para você mesmo, 
que está "pronto" para ser feliz.
Trabalhe, trabalhe muito a seu favor.
Pare de esperar a felicidade sem esforços.
Pare de exigir das pessoas aquilo que nem você conquistou ainda.
Critique menos, trabalhe mais.
E, não se esqueça nunca de agradecer.
Agradeça tudo que está em sua vida neste momento, 
inclusive a dor.
Nossa compreensão do universo, 
ainda é muito pequena para julgar o que quer que seja...
Por fim, acredite que não estaremos sozinhos 
em nossas caminhadas, um instante sequer...
Se nossos passos forem dados em busca de justiça e igualdade!

Essa mensagem termina com um pensamento 
do filósofo grego Aristóteles:

" A grandeza não consiste em receber honras, 
mas em merecê-las"
Com muito carinho
Maria Teresa


No mês de maio entregamos 4 (quatro) enxovais:
1) 1189 - Vanda - menino
2 e 3) 1172 - Marilyn - gêmeos - 2 meninos
4) 1177 - Bruna - menina




"Sinta-se totalmente responsável,
por tudo que estiver fazendo,
com aquilo que fizeram por você".


"Eu uno a minha mão à sua,
eu uno meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos,
o que não consigo fazer sozinha."




Reunião Mensal 26.04.2013

Em 25 de abril, realizamos a reunião de planejamento, organização e costura, no Parque Bela Vista, com a presença de 8 colaboradoras:
1) como estamos com problema dos enxovais de emergência, decidimos, em reunião, que os enxovais solicitados em cima da hora, serão montados com peças de roupas usadas, em bom estado;
2) Separamos e levamos as peças, lavadas e higienizadas, para o PS, assim, quando necessário, serão doadas às gestantes que necessitarem;
3) Convidamos a Regina para aula de pintura e ficamos felizes por ter aceito, agora teremos aula de pintura toda 2ª sexta-feira do mês.

Em 26 de abril realizamos a reunião mensal, compareceram 13 pessoas:
Entregamos 1 texto de autoria de Luis Carlos Mazzini, que recebi de Claudia Cristal, em 25/08/2010:
Alegre-se
Alegre-se pela oportunidade de fazer com que 
o amor cresça cada vez mais dentro de você!
Assim como você nasceu para viver em plenitude,
saiba que você nasceu para amar bastante. Muito!
Portanto, pergunte para o seu coração se você amou bastante.
Pergunte se aprendeu bastante depois de ter vivido o que viveu!
Crescer por dentro! É isso o que mais precisa!
A dor pode estar sendo a sua maior fonte de ensinamento e de crescimento, 
Mas tem que ter consciência disso!
Enquanto que o bem-estar pode estar entorpecendo você, 
exatamente porque quando as coisas estão correndo bem,
 raramente você se pergunta se está aprendendo. Certo?
Toda sensação de incômodo faz você questionar sobre as suas ideias preestabelecidas.
Queira considerar novas maneiras de encarar a vida.
Pergunte-se sempre: " Amei o bastante?"
A vida é um aprendizado e todas as suas experiências
Podem ser reduzidas a uma única lição:
A de aprender a amar!
Mentaliza sua experiência para aprender com tudo e com todos.
Dê de presente essa atitude, essa maneira de viver a você mesma!
Alegre-se pela oportunidade de fazer com que 
o amor cresça cada vez mais dentro de você!
Tudo na vida te leva mais perto de Deus!
Siga sempre em frente!
Tenha fé em si mesma e assim estará tendo também fé em Deus.
Corresponda à confiança que Ele depositou em você.

"Sinta-se totalmente responsável
por tudo que estiver fazendo com aquilo que fizeram por você."

Entregamos 6 enxovais:
1) 1175 - Fernanda A. de Paula - menina
2) 1184 - Viviane de Cássia Almeida - menino
3) 1185 - Maristela Eufrásio Alvarenga - menina
4) 1186 - Marsivania Almeida dos Santos - menina
5) 1187 - Aline Cardozo da Silva - menino - emergência
6) 1188 - Cristiane Ap. O. da Silva - emergência



"Eu uno a minha mão à sua,
eu uno o meu coração ao seu,
para que possamos fazer juntos, 
o que eu não posso fazer sozinha."


Agradecemos a Deus por mais um mês de trabalho, que sejam todos abençoados

Reunião Mensal 22.03.2013

Reunião Mensal - 22.03.2013
Local: PS - UBS Terra Preta


Boa tarde, tudo bem?
Nós estamos a todo vapor, muitas tarefas a executar, mas com muita vontade de acertar.

GGTR-130322
Texto de autoria do Walt Disney,
disponível no site da Ana Maria Braga
Decidi Triunfar

E assim, depois de muito esperar, num dia como outro qualquer, .

Decidi triunfar...

Decidi não esperar as oportunidade e, sim, eu mesma buscá-las.
Decidi ver cada problema como uma oportunidade de encontrar uma solução.
Decidi ver cada dia como uma nova oportunidade de ser feliz.
Naquele dia descobri que meu único rival não era mais que minhas próprias limitações
e que enfrentá-las era a única e melhor forma de superá-las.
Naquele dia, descobri que eu não era o melhor e que talvez eu nunca tenha sido.
Deixei de me importar com quem ganha ou perde.
Agora, me importa simplesmente saber melhor o que fazer.
Aprendi que o difícil não é chegar lá em cima e, sim, deixar de subir.
Aprendi que o melhor triunfo que posso ter é ter o direito de chamar alguém de "amigo".
Descobri que o amor é mais que um simples estado e enamoramento, 
"o amor é uma filosofia de vida".
Naquele dia, deixei de ser um reflexo dos meus escassos triunfos passados e 
passei a ser a minha própria tênue luz deste presente.
Aprendi que de nada serve ser luz, se não vai iluminar o caminho dos demais.
Naquele dia, decidi trocar tantas coisas...
Naquele dia, aprendi que os sonhos são somente para fazer-se realidade.
E, desde aquele dia já não durmo mais para descansar...
Agora, simplesmente durmo para sonhar.

Obrigada Ana Maria Braga, por ser um grande estímulo em nossa caminhada, a sua fé, determinação e coragem, nos fazem acreditar que vale a pena sonhar, que Deus a abençoe.
                   

Neste mês fizemos a entrega de 4 enxovais:
1176 - gestante Rosangela
1178 - gestante Simony
1180 - gestante Mislene
1183 - gestante Michele

Agradecemos a todos que colaboram e desenvolvem atividades com o "coração", permitindo a continuidade e  o crescimento do Grupo.

Eu uno a minha mão à sua, 
eu uno meu coração ao seu, 
para que possamos fazer juntos 
o que não posso fazer sozinha.

Que Deus esteja sempre com você, abraços carinhosos

Reunião para organização e costura - 31.01.2013

Bom dia, tudo bem?
Em 31 de fevereiro passado nos reunimos para organizar e preparar os enxovais, participaram da reunião: Maria Luisa, Lúcia, Agnes, Ida, Monette e Maria Teresa.
Os nossos encontros são sempre marcados pela alegria de compartilhar nossa gratidão a Deus pela oportunidade de estarmos juntas. Oramos e iniciamos a reunião conversando sobre a regularização do Grupo, a documentação será analisada pela advogada de nosso Grupo.
Relacionamos, a seguir, as doações entregues à Maria Luisa, no mês de janeiro:

Edna (Maria Luisa e Ida) doou: 4 toalhas de banho;
                                                 2 lençóis com fronha;
                                                 2 fronhas avulsas;

Rosângela (Ida) doou:                2 mantas azuis (1 em trico e outra em crochê);
                                                  2 toucas verde mescla, em trico;
                                                  2 coletes verde mescla, em trico;

Rosângela e Vilma (Ida) doaram: 46 novelos de lã (40g.);
                                                     4 novelos de lã (100g.);

Monette (Luisa e Ida) doou:        11 novelos de lã azul (40g.) - Mollet;
                                                   9 novelos de lã rosa (40g.) - Mollet;
                                                   8 e 1/2 novelos de lã mescla (40g.) - Mollet;
                                                   4 novelos de lã verde (40g.) - Mollet;
                                                   1 novelo de lã branco, aberto - Mollet;
                                                   4 novelos de lã cor 12-Primula (100g.) - Fiochi - Linea Italia;
                                                   2 novelos de lã cor 5266 (100g.) - Gold - Linea Italia;
                                                   2 novelos de lã cor 20 (100g. - Egpt - Aslan;
                                                   3 e 1/2 novelos de lã cor preto (100g.) - Gold - Linea Italia;
                                                   1 novelo de lã cor 01 (100g.) - Astrakan - Aslan;
                                                   2 novelos de lã abertos, na cor vermelha;
                                                   1 novelo de lã aberto na cor preto;
                                                   1 colete e 1 cachecol iniciados que a Ida irá terminar.

A Maria Luisa está fazendo 1 caixa com pessoas conhecidas, total arrecadado em janeiro: 
R$ 130,00.

Preparamos 2 enxovais completos de menina e 1 de menino, faltando o lençol para completar.

Definimos, por sugestão da Agnes, a cor branca para camisetas e mijões.

Iremos ao Brás para a compra de:
                                    l) malha + resistente, para as calças que entregamos com os casaquinhos;
                                   2) tecido para os lençóis;
                                   3) fraldas para os paninhos de boca;
                                   4) tecido atoalhado para as toalhas de banho:
                                   5) mijões;
                                   6) camisetas.

A nossa reunião foi muito produtiva, agradecemos a Deus por mais este dia e que abençoe a todos.
                                                   



Reunião para organização e costura

Reunião para Organização e Costura - 29.11.2012
local: Parque Bela Vista
presentes: Maria Luisa, Ida, Nair Esteves e Maria Teresa

Assuntos:
1) Fotos das doações;
2) Agnes confeccionou e entregou:
    8 conjuntos pagão em flanela amarela completos;
    1 conjunto flanela amarela, sem mijão;
    6 conjuntos tecido sem mijão;
3) Rosangela doou 6 calcinhas de malha;
4) Ivete confeccionou com lã de doação:
    1 casaquinho com touca rosa;
    1 casaquinho lilás;
5) Tânia Cascão doou ao Grupo:
    21 toalhinhas de boca;
    4 casaquinhos de lã com 2 sapatinhos;
6) Nair doou ao Grupo:
     l sapatinho rosa mescla;
     confeccionou 3 sapatinhos azuis com lã de doação;
7) Selina confeccionou 1 casaquinho amarelo com lã de doação;
    confeccionou 1 sapatinho de lã mescla;
8) Ida confeccionou touca e sapatinho amarelos com lã de doação;

Reunião Mensal 30.11.2012
GGTR-121130
Local: - PS - UBS Terra Preta
Texto de autor desconhecido
PRECE DAS MÃOS
Pai,
Toma minhas mãos, que são parte da obra que Tu assinaste: eu mesmo
Olha as linhas que são os traços do meu destino e reforma-as na medida do meu merecimento.
Olha minhas digitais que indicam não haver ninguém igual a mim, o que prova a tua originalidade...
Examina-as e julga os crimes que porventura eu tenha cometido.
Pai,
Vê nas minhas mãos o histórico das minhas doações e até que ponto elas foram válidas.
Vê também o histórico de tudo o que recebi e julga se sou suficientemente grato.
Pai, 
Nas minhas mãos estão as marcas dos serviços prestados...
Vê se trabalhei e tenho trabalhado da forma que tu aprovas.
Vê quantos foram os toques de afeto e de agressão e apresenta-me o saldo.
Julgas as palavras escritas em meu diário de alegrias e de aflições.
Pai,
Vê os apertos de mão que já dei, os acenos de adeus e os sinais de "sim" e de "não".
Estão sob Teu Juízo minha honestidade e minhas dores.
Pai, 
Toma minhas mãos... Sente como se através delas o meu coração falasse.
Diz se posso olhar-Te nos olhos ou com elas esconder a minha face.

Enxovais entregues às gestantes:
1165 - Maynara Pamella Batista;
1170 - Vanusa do Espírito Santo;
1171 - Rosana Rosa de Miranda;

Reunião 06.12.2012
Encerramento das atividades, celebramos com troca de presentes e um delicioso lanche.

Que 2013 seja repleto de saúde, muita luz e paz para todos nós.

"Eu uno minha mão à sua
"eu uno o meu coração ao seu, 
"para que possamos fazer juntos, 
"o que não posso fazer sozinha."